Warning: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /home/vetts328/public_html/levelplay.com.br/wp-content/plugins/easy-facebook-likebox/includes/easy-custom-facebook-feed-widget.php:3) in /home/vetts328/public_html/levelplay.com.br/wp-content/plugins/wp-super-cache/wp-cache-phase2.php on line 60
Gabriel | LevelPlay Noticias
Authors Posts by Gabriel

Gabriel

24 POSTS 0 COMMENTS
Gamer, Nerd, Geek e... já li muito disso em outros lugares, sou só o Gabriel mesmo, muito obrigado por ler isso.

Os produtores de Friday the 13th: The Game apresentaram dois pequenos vídeos da versão que está em desenvolvimento.

No primeiro podemos ver Jason a arrombar uma porta para ir de encontro com o jogador, no segundo podemos ver uma cena de morte mais grotesca publicada no Twitter e onde podemos ler a mensagem: “Quanto tempo passará até que o Twitter retire o vídeo?”

Desenvolvido pela Gun Media e a IllFonic, o objectivo deste jogo é oferecer uma combinação de características desenhadas para satisfazer os jogadores e os fãs dos filmes. O lançamento do jogo está previsto para este Outono no PC, Xbox One e PS4.

Depois de ganhar três Copas do Mundo, o maior jogador de futebol de todos os tempos resolveu atuar no campo digital e estrou nesta segunda-feira (25) um perfil no Instagram.

Em sua publicação de estreia, o maior goleador da história se apresenta em português e inglês. “Hello, this is Edson (But you can call me Pelé)”, diz, para repetir adiante: “Oi, aqui é o Edson. (Mas vocês podem me chamar de Pelé.)”.

A foto já conta com mais de 11 mil “curtidas” pouco mais de cinco horas após a publicação. Na rede social de fotos, os seguidores da conta de @Pele já são mais de 34 mil.

“Estou muito feliz em estar aqui no Instagram para conectar com meus amigos ao redor do mundo e compartilhar um pouco do Brasil com vocês… o meu Brasil, país que tanto amo”, escreve Pelé. E completa: “Estou em Nova York neste momento, minha segunda casa. Queria convidá-los a me acompanhar. Deixe a bola rolar!”.

Fonte: G1

A queda do site da Agência Nacional das Telecomunicações (Anatel) ocorreu após uma série de ataques hacker, confirmou a agência nesta segunda-feira (25). Apesar de a página ter voltado ao ar, os ataques continuam nesta segunda, a ponto de dificultar a comunicações da agência via internet.

A página voltou a poder ser acessada no início da tarde da sexta-feira (22), mas a instabilidade do serviço ocorreu pelo menos desde quarta-feira (20). A interrupção do acesso à página da agência ocorreu enquanto o coletivo hacker Anonymous incitava ataques contra as principais operadoras do país em retaliação ao anúncio da adoção de franquias limitadas de dados em pacotes de internet fixa.

O Anonymous publicou nesta quinta-feira (21) no YouTube um vídeo declarando “guerra contra as operadoras”. Chamando a iniciativa de “#OpOperadoras”, o grupo incluiu no Pastebin, um fórum de discussão usado por hackers, um passo-a-passo de como realizar ataques de negação de serviço distribuída (DDoS, na sigla em inglês). Esse golpe consiste em direcionar o maior volume possível de acessos para um determinado serviço para que ele fique congestionado e não possa ser acessado.

anatel2

“Este método é considerado por muitos de nós como uma forma de protesto, em outras palavras, é como se um monte de pessoas fossem em lojas das operadoras de telefones e impedindo o tráfego de pessoas nelas (sic)”, explica o Anonymous. O tutorial inclui não só instruções de como efetuar o ataque mas também as ferramentas necessárias que podem ser baixadas na internet. O grupo ainda lista alguns números de IPs (protocolos de internet que funcionam como endereços na rede) das principais operadoras do país.

A distribuição dessa cartilha pode não ter relação com a instabilidade do site da Anatel. O Anonymous, no entanto, afirmou nesta sexta-feira (23) ter hackeado a Anatel. “Vocês devem ter notado que o site da Anatel também ficou fora do ar por algum tempo devido à ataques de negação de serviço (DDoS)”, afirma o grupo em uma “mensagem à Anatel”.

Informações de um técnico de telecomunicações da agência, no entanto, dão conta de que o problema que tirou a página do órgão público do ar foi um DDoS. O ataque foi descrito por ele no fórum “Caiu”, destinado a trocas de informações sobre instabilidade de sites e mantido pelo Registro.br, responsável pela distribuição de domínios no Brasil.

Segundo o texto, desde a quarta-feira (20), o site da Anatel vem recebendo ondas de grandes volumes de acesso que “duram várias horas”. “A maior parte dos IPs de origem são internacionais, provavelmente alguma botnet contratada para isso”, sugere o técnico, que relata picos de tentativas de acesso à página da ordem 40 Gigabits. O técnico confirmou ao G1 que o site caiu por volta das 12h da quinta.

Anatel e franquia de dados
Nesta semana, a Anatel interviu na polêmica da adoção das franquias de dados para planos de banda larga fixa. A agência proibiu qualquer restrição ao acesso de quem ultrapassar o limite de dados contratado nesses pacotes até que o Conselho da agência julgue a questão.

O presidente da Anatel, João Rezende, afirmou que impor que as empresas só ofereçam banda larga sem limite pode elevar o preço ou reduzir a qualidade do serviço.
“O discurso mais fácil para a Anatel seria colocar que a internet tem de ser ilimitada. Mas aí as empresas poderiam aumentar preços, reduzir a velocidade e isso terminaria prejudicando o consumidor. Temos também de pensar na sustentabilidade do setor”, disse ao G1.

Rezende disse que a internet fixa ilimitada como modelo de negócios não terminou, já que algumas empresas ainda podem adotar essa estratégia. No entanto, ele ponderou que, a longo prazo, pode haver dificuldade em sustentar esse tipo de serviço, já que a infraestrutura atual não comporta o uso irrestrito de banda larga por todos os usuários.

Limite é permitido
A imposição do limite de uso da internet fixa é permitido por regulamento do setor de 2001. A NETjá vende planos de banda larga fixa nesses moldes desde 2004. Mesmo assim, o assunto virou polêmica depois de a Vivo anunciar, em fevereiro, que adotaria franquias nos novos contratos desse serviço. A Vivo adquiriu peso no setor de banda larga fixa depois de se fundir com a GTV, em 2014.

Fonte: G1

0 323

 

Okami, considerado um dos títulos mais bonitos que existem nos videogames artisticamente falando, comemora hoje 10 anos de existência desde o seu lançamento no PS2.

O jogador está no papel de Amaterasu, deusa do sol que no mundo terreno aparece sob forma de um lobo branco.

Conta a lenda da vila de Kamiki que a deusa lutou, ao lado do herói Nagi, contra Orochi, um dragão de oito cabeças que todo ano exigia o sacrifício de uma jovem para deixar a vila em paz.
Claro que após a longa batalha, eles venceram e tudo terminou bem.

fonte: Wii-brasil

No próximo dia 3 de Maio que os assinantes do serviço PlayStation Plus vão poder baixar os jogos do próximo mês e segundo um recente rumor, Watch Dogs será o jogo para o PlayStation 4.
De acordo com informações que surgiram recente, ainda não confirmadas pela Sony, o título daUbisoft será uma das propostas para o mais recente console da Sony, juntamente com Tetris Ultimate.

Uma suposta publicidade na PSN Alemã, revelou antecipadamente os títulos preparados pelaSony para os assinantes do serviço, mas de momento nada está ainda confirmado.

post

Resta aguardar até amanhã (Terça-Feira) ou Quarta-Feira para ver se a Sony irá confirmar ou não os títulos.

fonte: Eurogamer

Como foi anunciado ontem hoje a Naughty Dog apresentou o ultimo Trailer de Uncharted 4: A Thief’s End.
Confira o trailer:

Muitos anos após sua primeira aventura, o aposentado caçador de tesouros Nathan Drake é forçado a voltar para o mundo dos ladrões. Com motivações bem mais pessoais, Drake embarca em uma jornada no outro lado do mundo em busca de uma histórica conspiração por trás de um lendário tesouro pirata. Sua maior aventura testará seus limites físicos, sua determinação e principalmente o que ele está disposto a sacrificar por aqueles que ele ama.

Uncharted 4: A Thief’s End será lançado exclusivamente para PlayStation 4 no dia 10 de Maio.

fonte: Eurogamer

 

Muita gente passou horas e mais horas dentro de lan houses trocando tiros virtuais com os amigos e você provavelmente pensou nessa época quanto tempo levaria para que a tecnologia pudesse avançar tempo o suficiente e você pudesse jogar o jogo em qualquer lugar. Bom, a hora é agora.

Graças ao programador Alibek Omarov, Counter Strike 1.6 foi totalmente portado para o Android. Sim, isso não é uma versão de fãs do jogo, é o game funcionando como deveria, com servidores e tudo mais.

Infelizmente, o jogo roda com controles de toque, afinal de contas, celu

lares de hoje em dia não têm botões, mas é só ligar um teclado e um mouse bluetooth no seu celular e o problema está resolvido.

Para baixar o jogo, você precisa de alguns arquivos da versão original, que pode ser obtida comprando o Steam.

 

 

Mesmo sendo gratuito, o Linux foi ultrapassado pelo Windows e deixou de ser o software mais utilizado nos servidores brasileiros. As informações são da 27ª Pesquisa Anual do Uso de TI.

De acordo com o estudo, cerca de 22% dos servidores nacionais utilizam o software do pinguim (contando também os sabores Unix), contra 72% do rival Windows. Em 2010, o Linux estava em 40% dos servidores, o que mostra que houve uma queda vertiginosa. O levantamento foi realizado pelo professor Fernando Meirelles, da Fundação Getúlio Vargas.

“O mundo Unix está sumindo, mesmo com a IBM apostando no Linux. E o Open Source está deixando de ser usado nos servidores. O Windows ganha escala nesse mercado”, afirmou Meirelles ao site Convergência Digital.

Fora dos computadores, a Microsoft domina também os aplicativos, mas essa realidade pode ser revertida no futuro, de acordo com o pesquisador. “Os jovens estão usando mais o Google. Nos escritórios, o Google tem pouca presença, mas se os jovens estão trocando o PC pelo smartphone, eles vão determinar, provavelmente, um novo redesenho nesse mercado. Essa é uma virada que deverá acontecer nos próximos anos. E a Microsoft não se estabeleceu no mercado de smartphones, apesar da compra da Nokia”, disse.

lembrando “que o Linux corresponde a 85%”, da participação em servidores no mundo todo.

Linux

Fonte: Tudocelular

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicou no “Diário Oficial da União” desta segunda-feira (18) uma norma que impede as empresas de banda larga fixa de reduzirem, cortarem ou cobrarem tarifas excedentes de consumidores que esgotarem franquias de dados sem que haja ferramentas que ajudem os clientes a ter informações sobre seus planos.

A medida, publicada pela Superintendência de Relações com Consumidores da agência, cita operadoras do país incluindo Telefônica Brasil, que utiliza a marca Vivo, Oi e Claro, do grupo América Móvil. Essa orientação já estava presente em outros regulamentos da Anatel.

Segundo a superintendência, se quiserem praticar redução de velocidade, suspensão de serviço ou cobrança de tráfego excedente, as operadoras terão que disponibilizar aos consumidores ferramentas que permitam “de modo funcional e adequado” acompanhamento dos serviços prestados.

Este acompanhamento inclui o que foi consumido de dados, perfil de consumo, histórico do uso do serviço, notificação sobre a proximidade do fim da franquia e possibilidade de comparação de preços de serviços.

As operadoras também terão que informar os consumidores sobre a existência de franquia de volume de dados “com mesmo destaque dado aos demais elementos essenciais da oferta, como a velocidade de conexão e o preço”.

Além disso, as operadoras somente poderão limitar a banda larga que é vendida aos consumidores após 90 dias da publicação de comunicado da superintendência da Anatel que reconheça o cumprimento das condições descritas na medida publicada nesta segunda.

O descumprimento acarretará multa diária às empresas de R$ 150 mil até o limite de R$ 10 milhões, afirma a Anatel, sem informar, porém, de que forma esta multa poderá ser aplicada.

Fonte: G1

0 895

destiny2

A Bungie andava há algum tempo a prometer um evento de Destiny em Fevereiro, e ontem, na sua atualização semanal, soubemos que esse evento será dedicado ao dia dos namorados.

O evento terá início a 9 de Fevereiro e terá a dimensão do “Festival of the Lost”, o evento de Halloween no qual os jogadores puderam participar em quests para ganhar máscaras. Deste evento fará parte um novo modo do Crucible chamado “Crimson Doubles”, que colocará dois contra dois.

Ainda sabemos pouco sobre o “Crimson Doubles”, mas a Bungie adianta que tem uma característicaespecial “nascida de nova jogabilidade e mecânicas que apenas os jogadores experientes em batalha vão apreciar”. Quanto às recompensas deste evento, parece que este emblema será uma delas.

Adicionalmente, foi anunciado que o Iron Banner começa na próxima semana, a 26 de Janeiro. Este Iron Banner será diferente dos restantes pois o modo de jogo escolhido é o Rift, no qual as equipas têm que levar a relíquia até à base adversária.

Destiny

Nesta edição do Iron Banner poderão ganhar armas como a Fusion Rifle e Scout Rifle, bem como peças de armadura para o peito e pernas. Desta vez poderão comprar os itens de classe exclusivos PlayStation diretamente ao Lord Saladin, algo que não era possível da última vez.

Passando para outro ponto, a Bungie confirmou que implementou desde Dezembro matchmaking com base no skill, algo que a comunidade já suspeitava. Além disso, prometeu medidas para combater a latência, que ultimamente tem sido especialmente problemática.

Noticias Recomendadas

0 1111
O Jogo Fifa 16 que será lançado no Brasil dia 24 de setembro para Playstation 3/4, Xbox360/One e PC vira desfalcado de dois grandes...