Warning: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /home/vetts328/public_html/levelplay.com.br/wp-content/plugins/easy-facebook-likebox/includes/easy-custom-facebook-feed-widget.php:3) in /home/vetts328/public_html/levelplay.com.br/wp-content/plugins/wp-super-cache/wp-cache-phase2.php on line 60
Nintendo | LevelPlay Noticias
Nintendo

Nintendo 360

Uma equipe de engenheiros da Disney Research, foi convidada para criar um conceito bem interessante. Eles uniram um NES em um projetor de 360 graus para projetar jogos originais em 8-bit, como Super Mario Bros., Excitebike, e Castlevania nas paredes da sala.

A equipe usou um multiplexador baseado em Arduino para fazer com que o NES aceitasse receber vários controles ao mesmo tempo. Então o console foi colocado em uma mesa no centro da sala para projetar o progresso dos jogadores através dos níveis nas paredes.

Dê uma olhada no vídeo abaixo mostrando o projeto:

Fonte: Acasadocogumelo

 

0 828

Nintendo

Quando a Nintendo anunciou que estava trabalhando em um novo console, ela já tinha falado que os fãs poderiam esperar por algo único, e isso foi confirmado várias vezes por representantes da empresa – mas ninguém sabe o quão diferente ele vai ser. Felizmente, uma patente registrada recentemente pode indicar como o Nintendo NX vai funcionar.

A patente descreve o sistema como um console primário que se conecta à aparelhos secundários para aumentar a velocidade e/ou qualidade da experiência nos jogos. Claro, já vimos isso antes, mas a questão é que supostamente esse aparelho pode se conectar à vários outros dispositivos secundários(tanto diretamente(cabos) quanto por Wi-Fi ou Bluetooth).

Continuando, essa máquina poderia ser configurada e distribuída para outros jogadores durante um período de tempo específico, os usuários que compartilharem receberiam recompensas, como créditos na loja ou coisas do tipo.

Resumindo, seria um console que utilizaria outros consoles do mesmo tipo para conseguir mais poder durante a execução dos jogos. O dono de um NX então poderia compartilhar o hardware do seu aparelho para uma outra pessoa e receberia recompensas por isso.

Fonte: Extremetech

0 301

E após a morte Satoru Iwata a gigante japonesa Nintendo já escolheu seu novo presidente, ele Tatsumi Kimishima, que já foi presidente da Nintendo of America de 2002 á 2006, dentro da empresa ele teve forte atuação no time de desenvolvimento de Pokémon.

jpg

Ele declarou oficialmente dizendo que não há mudanças em projetos e direcionamentos que Satoru estava conduzindo na empresa.

 

0 318

Com saudades de mais novidades sobre o Nintendo NX? Então se prepare, pois houve uma verdadeira enxurrada de rumores surgindo através do site italiano NintendON. Estes vêm para nos contar sobre tudo o que está havendo com o desenvolvimento do “aparelho”, bem como dar uma ideia do que a empresa planeja para ele.

Já para começar, a primeira novidade talvez seja a mais surpreendente: de acordo com o vazamento, o NX não seria um novo console, mas sim uma plataforma sem ligação a um aparelho específico, sendo desenvolvida cuidadosamente debaixo da asa da Nintendo Japan.

A ideia para o Nintendo NX, em resumo, é oferecer algo semelhante ao Windows 10: uma plataforma feita para se adaptar a hardwares que vão de consoles caseiros a smartphones e tablets. O sistema estaria em desenvolvimento com a ajuda de funcionários da Google que trabalharam no Android, bem como de empregados da própria Big N que estiveram envolvidos nos SOs do Gamecube e Wii U.

Plataformas unidas e conectadas

Não pense que teremos um sistema “genérico” para todos os sistemas. A Nintendo estaria se esforçando no desenvolvimento de um ambiente que permitiria a cada versão da plataforma NX trabalhar de maneira otimizada e sendo capaz de desempenhar funções específicas.

Ao mesmo tempo, a companhia também deseja manter um senso de unidade entre os sistemas, com atualizações sendo lançadas ao mesmo tempo em todos os aparelhos e um software extremamente veloz independente da plataforma.

Outra ótima notícia é que a Nintendo finalmente deve melhorar sua estrutura online (finalmente!). O sistema ainda terá como base o Miiverse, que fez sucesso em um nicho dos gamers desde seu lançamento – este servirá como base para as comunicações dos desenvolvedores e uma área de contato entre jogadores.

A rede social também deve ser mais interativa, com a possibilidade de postar vídeos e fotos em um sistema integrado independente do game. Será que veremos algo como o botão “Share” do PS4 surgindo com o NX?

Entre tantas boas notícias e avanços que a empresa está preparando, parece que a Big N ainda vai manter um único item que sempre irritou o público. Sua Nintendo Network ID continuará ligada apenas àquele aparelho – então, se você estragar seu console, perde tudo o que há nele. Ao menos será possível compartilhar alguns detalhes entre as diferentes plataformas, como lista de amigos, jogos cooperativos locais e outros conteúdos.

Em compensação, o serviço que substituirá o “Club Nintendo” já deverá estar em funcionamento total no lançamento do NX, oferecendo uma série de novas vantagens para os jogadores. Junto disso, a Nintendo também deve fazer uma série de acordos com operadoras de telefone para trazer melhores experiências tanto para o novo programa de vantagens da empresa quanto para o Miiverse; inclusive, seria possível comprar aplicativos pelo próprio telefone.

Jogos, muitos jogos

Os rumores não deixam os games de lado, é claro. Segundo a fonte, a Nintendo trará um enorme catálogo para múltiplas plataformas no NX, permitindo a realização de compras e jogatinas cruzadas, bem como compras cruzadas. Mesmo assim, cada sistema terá seus games exclusivos.

Quanto aos títulos que veremos na plataforma, parece que teremos a volta das third-parties, depois da debandada ocorrida no Wii U. Gigantes da indústria, como Capcom, EA, Square-Enix e Ubisoft, teriam sido abordadas pela Nintendo durante a E3 e já estariam com seus kits de desenvolvimento para o NX.

É claro que os games da própria Nintendo também darão as caras no sistema. De fato, novos Dragon Quest, Final Fantasy, Sonic, F-Zero e Metroid já estão sendo trabalhados – nada foi revelado, porém, quanto aos títulos serem parte principal da franquia ou algum tipo de spin off. E quanto ao Zelda? Bem, esse ainda vai continuar no Wii U, por enquanto, dado seu alto custo de desenvolvimento. Isso não impede a empresa de resolver começar mais um game para o NX, quando o título atual já estiver encaminhado.

Vamos torcer, pelo bem dos fãs da Big N, que os jogos do NX em desenvolvimento não sejam como esse…

Não se limitando a isso, a Big N também estaria trabalhando em uma série de nova patentes para a plataforma, com uma lista de títulos atualmente em desenvolvimento. Nenhum outro jogo foi revelado em específico, mas, como falando antes, devemos ter alguns títulos third-party surgindo.

3DS com os dias contados

Lembra-se de quando a Nintendo comentou que o NX não iria substituir o Wii U ou o 3DS? Parece que isso é verdade – afinal, a plataforma não será um novo console em si. Mas isso não quer dizer que os aparelhos não estejam em risco de serem trocados por novos em um futuro não tão distante.

O fato é que, por enquanto (e vamos frisar esse “por enquanto”), o Wii U vai continuar com foco em 2016, graças aos bons resultados de Splatoon. Já o 3DS, que tem alguns bons anos de vida, deve ficar para trás. E o que serão de seus games? Alguns deles ainda vão sair para a plataforma, mas os projetos maiores serão movidos para um portátil com plataforma NX.

Infelizmente, pouco foi revelado sobre o novo console de bolso da empresa. Foi dito que ele terá um hardware apenas um pouco superior ao do PS Vita, com resolução de tela em 540p (ou 720p, se os custos de produção forem reduzidos) e uma memória interna expansível. O portátil, deve ser exibido no início de 2016, com previsão de lançamento entre o fim do próximo ano e o começo de 2017.

O Wii U também não escapa

Só porque ele se salvou em 2016, isso não quer dizer que isso vai valer por muito mais tempo. Um sucessor do Wii U também está sendo planejado e deve trazer especificações próximas àquelas vistas no PS4 e no Xbox One; logo, por mais que seja possível jogar games comprados neste console em outros aparelho NX, você terá uma melhor experiência visual com o aparelho de mesa.

Por falar em conectividade, o “Wii U 2” será capaz de se conectar não apenas com o novo portátil da Nintendo, como também deve ter suporte ao Gamepad (este, aliás, pode passar a ser vendido separadamente) e, com sorte, ao WiiMote, através do mesmo sistema usado entre o Wii U atual e seu controle-tablet. Isso permitirá que, nos acessórios com tela, você também poderá jogar normalmente sem precisar de uma TV.

Curiosamente, o aparelho será o primeiro da Nintendo a não contar com um leitor ótico por padrão, sendo este um item opcional. A empresa estaria analisando a adição de um leitor externo como acessório, além de unir os itens da eShop e da Nintendo Network ID para dar acesso aos títulos que você comprar em ambas.

Talvez o mais surpreendente de tudo isso é que a empresa estaria analisando o compartilhamento de jogos digitais. Esse item, porém, não é claro.

Mesmo assim, não espere ver o “Wii U 2” chegar às lojas tão cedo. Só depois de 6 a 12 meses do lançamento do novo portátil é que a Nintendo pretende lançar um sucessor para o Wii U; fazendo os cálculos, é possível que ele seja lançado apenas em 2018, na pior das hipóteses.

Que tal um sucessor do Wii U com uma cara dessas?

Quando for lançado, contudo, a Nintendo e seu “Sistema NX” terão muito mais possibilidades na hora de trabalhar no desenvolvimento de seus games. Os preços estimados para os aparelhos são relativamente baixos, entre 200 e 300 euros (entre 850 e 1.250 reais, em uma conversão simples) para o aparelho de mesa. Um bundle com os dois dispositivos também está sendo considerado, por um valor de 500 euros (R$ 2.140).

Estranhamente, é possível

Todos esses vazamentos podem parecer estranhos de início. Porém, se analisarmos a postura da Nintendo com relação aos dispositivos mobile, isso faz todo o sentido. Afinal, se a empresa não confia na segurança oferecida por outras companhias de celulares e tablets, bastaria que ela lançasse seu próprio ambiente, feito dentro dos moldes que ela acredita serem mais apropriados.

Essa possibilidade ganha ainda mais força se considerarmos que os rumores também afirmam que a Nintendo está focando uma enorme parte de seus esforço em um sistema antipirataria.

Isso também faz sentido se analisarmos as informações vazadas nos últimos meses. É o caso, por exemplo, dos rumores de que ele não trabalharia com umleitor ótico – outra informação que ganhou força com este vazamento, vale notar, já que o sucessor do Wii U não terá um leitor ótico, como havíamos comentado acima.

Rumores datados?

Antes que os fãs da Nintendo se animem demais, lembramos que esses são apenas rumores, e não informações oficiais de maneira alguma – afinal, a própria Big N disse que só revelará algo do aparelho a partir de 2016. Logo, é melhor ficar com um pé atrás sobre todo o assunto.

Para tornar o vazamento um pouco mais complicado, é preciso notar que o próprio site avisa que as informações são um pouco “antigas”: em sua maioria, elas datam de março deste ano, com algumas atualizações ocorrendo em junho e julho. Assim, não é impossível que muito tenha mudado nesse período.

Se os vazamentos forem reais, porém, teremos que esperar um bocado para descobrir. De acordo com o rumor, a empresa deve revelar seu portátil no início do ano que vem; logo, não seria surpresa que o NX fosse apresentado perto dessa data. Mais informações sobre o tudo o que deve acontecer, inclusive, seriam divulgadas em futuros Nintendo Directs, que devem ocorrer em torno de outubro.

Fonte: TecMundo

0 330

Shigeru Minamoto presidente e “Todo Poderoso” da Empresa Japonesa Nintendo revelou que pode vir a lançar futuramente filmes de suas clássicas franquias.

“Ao olharmos a Nintendo como uma empresa de entretenimento de forma mais ampla, começamos a pensar mais e mais sobre como os filmes e como eles podem se encaixar. No futuro, com certeza olharemos para essa possibilidade, de transformar nossos games em filmes”

Na declaração podemos observar uma profunda mudança na visão de negócios conservadora que historicamente que a Nintendo sempre adotou.

Noticias Recomendadas

0 485
Assista um breve review em video da versão Alpha do Ubuntu 16.04 e como mudar a posição do launcher! https://youtu.be/WsVkqwY4MDk Download dos pacotes necessários:  32 bits - http://adf.ly/1WSxfm 64...